x
Acesso à Informação

O descarte inadequado de medicamentos, principalmente no lixo comum ou na rede de esgoto, pode contaminar o solo, os rios, lagos e águas subterrâneas, até mesmo os lençóis freáticos.

Sexta-feira, 30 de setembro de 2022

Última Modificação: 30/09/2022 19:22:06 | Visualizada 36 vezes


Ouvir matéria

O descarte inadequado de medicamentos, principalmente no lixo comum ou na rede de esgoto, pode contaminar o solo, os rios, lagos e águas subterrâneas, até mesmo os lençóis freáticos. Pensando na destinação correta desses produtos, o município de Manoel Ribas, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, em parceria com a Vigilância Sanitária, conta com locais adequados para o descarte, que se encontram na UBS Central, Farmácia Municipal e Hospital Municipal.

A Lei n° 12.305, de 02 de agosto de 2010, que institui a Política Nacional de Resíduos Sólidos (PNRS), estabelece que o setor produtivo, os usuários e o poder público têm responsabilidade compartilhada na destinação correta dada aos produtos e aos bens de consumo, ao final de sua vida útil.

Devido a cultura brasileira de automedicação, é comum conter sobras de medicamentos nas residências, portanto, enfatizamos a importância do descarte correto, e pedimos à colaboração da população! Afinal, além de proteger o meio ambiente, essa atitude é essencial pra evitar acidentes na luta contra o suicídio.

Prefeitura de Manoel Ribas, realizando ações voltadas para o futuro!

Fonte: Redes Sociais da Prefeitura Municipal de Manoel Ribas

 Galeria de Fotos

 Veja Também